ETA, que farra! | ETA, que teta!

18 de maio de 2009

ETA, que farra!

Bem, esse posso dizer que foi o melhor fim de semana dos últimos tempos (er, porque os outros foram piores -q), como vocês sabem(ou não), na ultima terça feira foi o aniversário do presidente-mor deste recanto de retardados, GIGI-100%-VL, então chamei o pessoal para vir aqui na minha residencia neste último sábado (se você não foi chamado é porque a) não te conheço b) não queria gerar conflito c) não gosto de você, er rs), festa indiana, caso você seja a fofão, whatever. Então foram chegando las personas e CADA PRESENTE MARA (e estranho) *-*: o DVD do tratamento de choque, do iluminado(agora podemos dublar sempre que quisermos, vide-post: eta, que iluminado), o DVD da Cher (euri); o tão esperado CD da Maria Rita, samba meu; uma bola de pelúcia; uma caixa de chocolate muito boa; um perfume da kaiak; e uma pah de camisetas MARA *-*. Valeu meu povo, amei amei amei demais. E vocês que não trouxeram, morram rs. Brincadeira, só a presença já é importante. Ok, acabando com a seção em que eu me mostro e falo o que ganhei, vamos falar do que aconteceu, que é o que importa, er, preparei o dia inteiro arrumando a casa (até mudei minha cama de lugar!) para que abutrez destruissem ela, rs. Quando os primeiros espectros chegaram, comendo pão com carne louca e ouvindo música indiana do kajera ra, do salame ish, deu-se um surto de dancinha do caminho das índias, mas isso logo cessou após a chegada de convidados normais. E com isso ficamos na sala, regados a sanduíche de metro, mimicando e dublando os canais evangélicos, rs. Mas ai chegou a fonte de chocolate de fondue e toda arrumação da minha casa foi-se embora, juro, tem ainda chocolate no meu ouvido! Acho que metade do choc foi usado para lambuzar sobre o corpo/rosto/partes intimas. O pior que a hemorragia de chocolate não parou por ai, ainda tinha o BOLO, acompanhado de champanhe para crianças sem álcool que não estourava -q, sério, foi engraçado apontar para todo mundo, ameaçando com a garrafa e todos desviando da mira, rs. Além disso tivemos que aguentar sempre quando alguém se arriscava tocar meu violão desafinado e o Marcel fazendo 'peitinho' de verdade, OMG!
E a brincadeira do 'eu nunca', er aonde me fizeram uma pegunta que eu não respondi, mas não estava na cara?! -q E eu nunca tinha brincado disso o_O Sou sem infância demais, e agora, caro leitor. Caso você não soubesse que foi uma festa de 15 anos, vocês deveriam estar pensando que foi a festa do rei do jardim da infância, sim, somos muito crianças. Então fechou-se as portas, os convidados se foram e fui-me dormir para mais um domingo, mas não qualquer domingo, aliás... PEDRA LETÍCIA NO FAUSTÃO! *-*
Continua...

2 comentários:

Gui disse...

foi engraçado apontar para todo mundo, ameaçando com a garrafa e todos desviando da mira, rs.


definitivamente NÃO FOI ENGRAÇADO HSUAHAHUAUH

Gui disse...

e eu sou o cacique-supremo dessa porra ok HSAUHSAHUUHASUH er, not :B